Coordenadora de Marketing do Grupo Rovema é Embaixadora da Região Norte do CNMA 2024

Escrito por: Sustennutri



Fonte: Attuale Comunicação



CNMA lança a 9ª edição do evento e anuncia reality show inédito “Prato Brasil – do campo à mesa”.


O evento ocorre nos dias 23 e 24 de outubro, com o tema “Mulher Agro Brasileira: voz para o mundo”.


A 9ª edição do Congresso Nacional das Mulheres do Agronegócio (CNMA) foi lançada hoje, 07/03, em um almoço promovido no Instituto de Culinária Le Cordon Bleu, em São Paulo (SP). O encontro também foi marcado pelo anúncio das novidades do evento desse ano, como o reality show Prato Brasil – do campo à mesa.


Em parceria com a Band, por meio dos canais Terraviva, Sabor & Arte, Band News e Agromais, o CNMA traz uma novidade inédita para sua nona edição: o reality show documental Prato Brasil – do campo à mesa, que destacará a diversidade regional brasileira, o caminho do alimento do campo à mesa e o protagonismo feminino no agronegócio.


Com um total de seis episódios, que contarão com a participação de mulheres que atuam direta ou indiretamente em diferentes segmentos do agro, o programa propõe uma competição culinária, com pratos e ingredientes típicos regionais.


Com uma eliminatória para cada região, gravadas na capital paulista, no Instituto Le Cordon Bleu, um dos mais prestigiados do mundo, a grande final será disputada no encerramento do 2º dia do Congresso Nacional das Mulheres do Agronegócio, que será realizado no Transamerica Expo Center, nos dias 23 e 24 de outubro, em São Paulo.


A grande vencedora ganhará um curso no Instituto Le Cordon Bleu de Paris, incluído aéreo e hospedagem. As outras quatro finalistas também serão presenteadas com um curso na unidade da instituição em São Paulo.


“Estamos animados com a novidade para esta edição do CNMA, pois esse projeto contribuirá para dar mais visibilidade ao agronegócio, à participação da mulher no setor, à valorização da cultura gastronômica regional, promovendo uma maior aproximação com o consumidor”, destaca o diretor Geral do Transamerica Expo Center, Alexandre Marcílio, que idealizou o Prato Brasil.


Parceiro da iniciativa, o diretor Comercial da NewCo, programadora e produtora da Band, Claudio Ferreira, conta que já acompanhava o crescimento da importância da mulher no agro e foi no CNMA do ano passado, ao visitar o evento, que constatou a sua grandiosidade. “Diante disso, surgiu a ideia de termos um estúdio no Congresso para falarmos com as mulheres sobre negócios, suas realidades e desafios. Mas, mais que isso, queríamos algo que impactasse e que homenageasse a cultura gastronômica regional. Foi assim que surgiu o Prato Brasil – do campo à mesa, um projeto que vai mostrar o que o agro oferece de melhor aos consumidores do Brasil e do mundo”, ressalta o executivo da Band.



Expectativa de novo recorde de público para 2024



Para a edição de 2024 são esperadas 3.600 congressistas, novo recorde de público do CNMA, que se consolidou como o maior evento da América Latina voltado para mulheres do agro.


“Estamos sempre em busca de um formato diferente para surpreender e encantar nossas congressistas. Teremos uma arena master principal, que será transformada em outras três menores, as arenas do conhecimento, onde serão abordadas temáticas diversificadas e atrativas. As congressistas não precisarão se deslocar para acompanhar as palestras, que serão simultâneas e, por isso, silenciosas, com a volta da utilização de fones de ouvido”, detalha a gerente de Desenvolvimento e Novos Negócios, Renata Camargo, informando que além das arenas, a edição deste ano terá o Hub Técnico, espaço dedicado a conteúdos técnicos e científicos.


Renata cita ainda a 7ª edição do Prêmio Mulheres do Agro, realizado pela Bayer e a ABAG – Associação Brasileira do Agronegócio, e que permanece com a sua cerimônia de premiação no palco do Congresso marcada para 23 de outubro.



Embaixadoras do CNMA 2024



Outras novidades são as Embaixadoras desta edição e as Influenciadoras, que levarão ao longo de 2024, a mensagem do CNMA para todos os cantos do Brasil. Para este ano, a veterana Ani Sanders, agricultora no Piauí, atuante principalmente no setor de algodão permanece como Embaixadora pela região Nordeste; ao lado da pecuarista em Mato Grosso do Sul, Andressa Biata; como Embaixadora para o Centro-Oeste, a produtora de mudas para citrus e cana-de-açúcar e pecuarista em São Paulo, Carina Ayres, pela região Sudeste; a pecuarista e coordenadora de marketing do Grupo Rovema em Rondônia, Carolina Brazil como Embaixadora da região Norte e a produtora de morangos no Rio Grande do Sul, Vanessa Leonardi, como Embaixadora representante da região Sul.


“As embaixadoras são sinônimo de diversidade, com atuações em regiões diferentes, realidades e atividades distintas, justamente porque assim é o CNMA: sinônimo de diversidade e inclusão”, ressalta Renata Camargo.


Para reforçar ainda mais o time, este ano o evento conta também com quatro influenciadoras: a comunicadora do agro Aretuza Negri, a engenheira agrônoma e consultora Alessandra Decicino, a produtora rural e advogada Cristiane Steinmetz e a jornalista, economista e consultora Roberta Paffaro.


Conselho de Conteúdo Para trazer as tendências da indústria e promover uma curadoria multissetorial, o CNMA deste ano conta com um Conselho de Conteúdo composto pelo presidente da ABAG, Caio Carvalho; pelo presidente do conselho de administração da Fundepag e do Lide Agronegócios, Francisco Matturro; pela a diretora-executiva da ABAG, Gislaine Balbinot; pelo sócio-diretor da Biomarketing, José Luiz Tejon; pela representante regional da APEX Brasil, Márcia Nejaim; pela diretora de Comunicação da Associação Brasileira da Indústria de Alimentos (ABIA), Marina Mantovani; pela chefe-geral da Embrapa Meio Ambiente, Paula Packer; pelo embaixador especial da FAO para as Cooperativas, Roberto Rodrigues; pela vice-presidente do Instituto Pensar Agropecuária (IPA), Tânia Zanella e pelo presidente da FAESP/SENAR e vice-presidente do Sebrae, Tirso Meirelles.



Mulher agro brasileira como voz para o mundo



Com o tema “Mulher Agro Brasileira: voz para o mundo”, o CNMA 2024 tem como principal objetivo utilizar a força da voz das mulheres como meio de expandir a visão global sobre o agronegócio brasileiro e ajudar a criar uma percepção justa do setor.


A temática foi pensada a partir da pesquisa “Percepção do Agronegócio Brasileiro na Europa”, realizada no Reino Unido, Alemanha, França e República Tcheca, e apresentada durante a 8ª edição do Congresso, em 2023. O levantamento trouxe dados que expõem a necessidade do setor de se unir e comunicar de forma mais assertiva todo o trabalho realizado no Brasil.


Por isso, o Congresso Nacional das Mulheres do Agronegócio promete ser palco da grande virada da percepção do agro brasileiro, direcionando sua voz para o mundo. “Nesse sentido, as mulheres do setor serão porta-vozes da realidade sustentável do País e da grande virada para o futuro que já começou. Com seus potenciais e características únicas, as mulheres são, de fato, capazes de mudar o mundo”, ressalta Tejon.


Inscrições abertas


Em comemoração ao Dia Internacional da Mulher, o CNMA abre as inscrições com um lote promocional neste 8 de março, que segue com condições especiais até o fim do mês. Mais informações podem ser acessadas em www.mulheresdoagro.com.br e pelo Instagram do evento @congressodasmulheresdoagro.



Saiba mais sobre

as últimas notícias

Sistema ILPF pode transformar Rondônia em um “Eldorado” de grãos?

Sistema ILPF e suas variantes despontam como alternativa...

Garantindo o melhor para os seus grãos.

Secagem e Armazenamento de grãos Garanta a qualidade...

#00 - Título do Podcast

07/03/2024

Convidados: Nome Sobrenome e Nome Sobrenome

Título da Matéria

Lorem ipsum dolor sit amet consectetur. Amet viverra mauris viverra interdum feugiat orci tellus sit amet. Imperdiet neque…

Siga

a gente nas redes sociais

plugins premium WordPress

Saiba onde comprar

nossos produtos